quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Algures a sul de Frankfurt

Apesar do mundo das motos ser mesmo muito interessante, de vez em quando temos que reconhecer que no meio dos automóveis também há algumas coisas boas. E uma delas - da qual até hoje só tinha ouvido falar muito vagamente - é o apoio do grupo Volkswagen a um dos melhores museus de motos clássicas da Europa, o qual se situa na cidade de Neckarsulm, no sul da Alemanha. Mas o que tem a ver a Volkswagen com um museu de motos? Aparentemente nada, mas até tem. E isto por causa de uma "triangulação", se assim se pode dizer, em que a VW é um dos três eixos. Com cerca de 20.000 habitantes, Neckarsulm foi, durante mais de 50 anos, um dos principais centros de produção de motos na Alemanha, em boa parte graças a uma fábrica gigante de motos que a NSU tinha na cidade. No final dos anos a NSU foi comprada pela Volkswagen e deixou de fabricar motos mas as raízes ficaram e há alguns anos atrás, quando um grupo de amigos da ex-NSU e a câmara da cidade se empenharam em criar um museu de homenagem de motos em homenagem à marca - o qual depois se tornou muito mais que isso - a Volkswagen, que entretanto tem em Neckarsulm uma das principais fábricas da Audi, terá abraçado o projecto sem grandes hesitações. Graças em boa parte a este apoio, o museu tem conseguido não só comprar muitas motos clássicas interessantes como também algumas motos de competição e de recordes que não estarão ao alcance nem da maior parte dos particulares nem de muitos outros museus. Para quem pudesse pensar que a Alemanha são só fábricas, Bmws (de duas rodas, claro!) e cerveja do melhor que há, aqui está outra atracção a não perder.

Sem comentários:

Publicar um comentário