sábado, 29 de outubro de 2011

A rolar, até França

Nalguns momentos de maior maluqueira já me passou pela cabeça ir - ou pelo menos tentar ir - até Paris na minha Fórmula I, numa V5 ou noutra "bomba" do género. Pode parecer meio absurdo mas até nem é. É que já houve quem fosse até França, com pendura, no começo década de 70, quando não havia telemóveis nem outras modernices dos dias de hoje. Os autores da proeza foram um casal de Sever do Vouga e a máquina utilizada a Macal da foto. Até que era bonito homenagearmos o feito, não era? Com um artigo na SóClássicas,isso é garantido, mas podíamos ir mais longe. Muito mais longe, até. E sabem como? Simples, repetindo a proeza! Ainda vou pensar no assunto!

Sem comentários:

Publicar um comentário