terça-feira, 20 de abril de 2010

Até 2,0 milhões de euros


Enquanto cá em Portugal já temos réplicas de Kreidlers e estamos cada vez mais perto de termos algo semelhante da SIS Sachs V5, em Inglaterra, um empreendedor com uma pancada por motos clássicas, Mark Upham, decidiu montar um negócio de réplicas de Brough Superiors, a moto mais cara do mundo. Foi há três anos atrás e já vendeu perto de 100, por preços entre os 40.000 e os 60.000 euros. Todas feitas à mão, como as Brough originais que se deixaram de fabricar em 1940, as "novas" Brough são de tal maneira similares às originais que foram consideradas como "Fit" pelo exclusivíssimo Brough Superior Owners Club, o clube de proprietários de motos da marca. Não obstante o seu preço não as fazer acessíveis a todas as bolsas, as Brough originais são mais caras ainda. O seu preço pode ir até aos 200.000 euros. Isto sem contar com a Brough que vitimou Lawrence da Arábia quando este, para se desviar de dois miúdos de bicicleta, chocou com ela. Denominada Lawrence VII (era a sua sétima Brough) foi toda reconstruída e hoje em dia tem um valor estimado em 1,5 a 2,0 milhões de euros. (embora o seu proprietário particular já tenha recusado há dois anos uma oferta de 2,5 milhões de euros dum sheik do Médio Oriente)!

Sem comentários:

Publicar um comentário