sexta-feira, 30 de abril de 2010

O inteligente com três rodas

Apesar de não ser uma invenção portuguesa - ainda antes da segunda guerra mundial já havia fabricantes italianos a fazerem experiências com este tipo de veicúlos - os triciclos deixaram fortes marcas no panorma motociclístico português nas década de 50, 60 e 70 e ainda hoje se vêem uns quantos a andar por aí, sobretudo para a venda de gelados e castanhos. Este porém, é especial, sobretudo pela roda de trás não estar directamente acopulada às da frente e pela sua
caixa de carga ser muito baixa, assim feita para baixar o seu centro de gravidade o mais possível. Ao que parece tiveram bastante sucesso tanto na Madeira como nos Açores - esta foi "descoberta" na ilha de São Miguel, na Povoação - para a venda de pão e de peixe e no Funchal até haverá um em estado de colecção (este da foto, como se pode ver pela roda de trás e outros pequenos pormenores já não está bem assim) que tem uma balança por cima da caixa onde era pesado o peixe. Quem terá sido o seu fabricante? A Famel é pouco provável pois este modelo não consta dos seus catálogos? Terá sido a Ernesto? Pode ser, mas não se parece muito com os seus triciclos. Quem terá sido então?

1 comentário:

  1. Não duvido que o modelo possa ter sido transformado artesanalmente em triciclo.

    ResponderEliminar