domingo, 18 de abril de 2010

Por essas Beiras desconhecidas


Aquele slogan de há uns anos atrás "Há sempre um Portugal desconhecido à espera de si", por vezes faz todo o sentido. E um exemplo disso passou-se comigo há uns dias atrás quando andava pelas Beiras a fazer o reconhecimento do próximo Por Montes e Vales que vai para a estrada de 13 a 15 de Maio. Estava eu a redescobrir as curvas e as paisagens da N15, que liga a N1 a Vilar Formoso, quando numa curva uns 30kms antes de Viseu dou com três motorizadas paradas na beira da estrada, à entrada do que parecia ser uma oficina de motorizadas "à antiga". Tive que ir espiolhar o que era e, para surpresa minha, descobri que era mais uma oficina que se tem aguentado com o passar dos tempos. Já vendeu muitas motorizadas nos anos 60 e 70, depois veio por aí abaixo, mas nos últimos anos tem estado a safar-se com a venda de umas scooters chinocas, equipamentos para jardinagem e serras eléctricas e - no que é o mais importante de tudo - com o restauro e reparação de motorizadas portuguesas clássicas. Umas para o próprio distrito de Viseu mas outras, e cada vez mais, para Aveiro, Porto, Coimbra e outros lugares mais distantes. Do lado direito pode ver-se uma Xf17 que vai começar a ser restaurada e atrás dela pode ver-se duas outras máquinas da época, já restauradas e "embaladas", que vão seguir dentro de dias, por uma empresa de camionagem, para os seus proprietários, um deles na região de Sintra (a quase 400kms de distãncia). Viva o futuro!

Sem comentários:

Publicar um comentário