quinta-feira, 3 de junho de 2010

O gato de alumínio

À primeira vista é só mais um sidecar de competição dos anos 70 mas para os apaixonados deste tipo de máquinas, é talvez o sidecar deste tipo e desta época que mais recordações deixou. Foi criada pelo suíço Rudy Kurth, e chamava-se Cat III. Engenheiro de formação, Rudy decidiu fazer do Cat III uma máquina revolucionária em todos os sentidos. A começar pelo motor, feito a partir de dois motores de Honda 350 bicilindrica que Rudy transformou num só motor de três cilindros com 500cc. E a continuar no quadro, em alumínio extrudito e cujo eixo central servia de depósito de combustível, a tracção, à roda de trás do corpo principal e à roda do sidecar, e aos

próprios pneus, feitos a partir dos moldes dos pneus de um famoso Fórmula I da época, o Tyrrel de seis rodas. Por isto tudo, o Cat III já tava nas vistas em todas as provas em que entrava mas Rudy e a sua máquina ainda tinham um outro atractivo extra, a sua mulher, a qual além de muito bonita era nada mais nada menos que a sua co-piloto!

Sem comentários:

Publicar um comentário